SATANISMO - Do Caos a Ordem 
A ÉTICA SATANISTA
A ÉTICA SATANISTA

A ÉTICA SATANISTA
O que é ética? Se pesquisarmos no pai dos tolos, o google, ele dirá: “O termo ética deriva do grego ethos (caráter, modo de ser de uma pessoa). Ética é um conjunto de valores morais e princípios que norteiam a conduta humana na sociedade. A ética serve para que haja um equilíbrio e bom funcionamento social, possibilitando que ninguém saia prejudicado.” Mas e para o satanista, como isso se aplica?
Antes de mais nada, devo-lhes revelar um segredo: somos humanos. Parece absurdo dizer isso a essa altura do campeonato, afinal, é mais do que óbvio que você é um ser humano, mas acredite, tem gente que se esquece disso. É pelo fato de sermos humanos que sabemos que a dor dói, que tristeza machuca, que é bom ser feliz, que a melhor coisa do mundo é beber água quando se tem sede ou comer quando se tem fome etc. Por que eu estou dizendo isso? Veja bem: se respeito te agrada, porque não respeita os outros? Se palavras machucam, por que não mede o seu peso ao usá-las com outrem? Se você não é obrigado a nada, por que obrigar os outros? Ética está diretamente ligada a empatia, de nos colocarmos no lugar dos outros. O que não quer dizer desperdiçar a sua empatia com ingratos, mas aqui entra a reciprocidade (valor este defendido por nossa filosofia) e uma noção básica de justiça.
O que quero mostrar com tudo isso? Que a ética de um satanista não está em nenhum livro com leis e preceitos pré-estabelecidos, basta reconhecer que é um ser humano. Ninguém precisa lhe dizer que você é livre, isto você já sabe. Ninguém precisa lhe dizer para viver a vida com intensidade, isso você também já sabe. Essas e outras coisas, todos nós já sabemos. Sabemos e as praticamos porque elas nos beneficiam de alguma forma.
A ética não é dita por nada e nem ninguém, é apenas um caráter lógico. Por exemplo: se você se intitula um ser livre, porque negar ou se incomodar com a liberdade do próximo? Ora, negar a liberdade do próximo é o mesmo que negar a própria carta de alforria. Percebe a lógica? Nós, enquanto satanistas, somos justos. Mas o que vejo por aí é tamanha injustiça e hipocrisia.
Vamos a um exemplo mais prático? “Amarração de amor” é errado? Isso não está escrito em livro algum, mas vamos mais uma vez usar a lógica. Para você, parece justo uma pessoa que não te ama ser obrigada a te amar? Parece justo tirar o livre arbítrio de alguém só para satisfazer a sua incapacidade e tolice? Nessa situação não há justiça, mas sim egoísmo. Estupro é errado, não porque está na lei ou porque a bíblia satânica disse, mas sim por ferir diretamente a liberdade e a integridade de alguém. Essas e outras situações seguem a mesma premissa.
Por fim, quero esclarecer algo de uma vez por todas: nós, enquanto satanistas, devemos ser diferentes da sociedade hipócrita a nossa volta. Somos adeptos da sabedoria e da evolução, então devemos fazer jus ao que acreditamos. Satan (o pensamento satânico) nos ensina a sermos felizes, individuais, recíprocos, opositores, livres, conhecedores etc. Diferente do que muitos pensam, ele não nos ensina a sermos maus (afinal somos duais, justos e recíprocos), nem a sermos frios ou desrespeitosos. Seja ateu, mas não seja desrespeitoso com a crença alheia, seja teísta mas não empurre o seu deus goela abaixo nos outros, seja o que quiser tendo o respeito como o seu maior guia. Somos amor e ódio, luz e trevas, felicidade e tristeza, tudo em uma só essência.
Natanael Agares
Copyright© todos os direitos reservados
Translate this Page

Rating: 2.9/5 (385 votos)

ONLINE
2